Em vez de fazer eco ao verso de Sérgio Sampaio (“Não há nada mais sozinho do que ser inteligente”), prefiro manter a mente ocupada.

De mais a mais, não devo desculpas por ser inteligente: nasci assim, e assim morrerei.

Advertisements

About cema לאכימ דלא

Visual artist and editor/producer

Comments are closed.